PROTEÇÃO VEICULAR – FICARÁ SÓ NELA? SERÁ PRECISO APRENDER A COEXISTIR OU RESISTIR!?